10 histórias de crimes motivados por ciúmes doentios

Todos nós já sentimos ciúmes numa ou noutra altura das nossas vidas. Considerado por muitos o “tempero das relações”, segundo teorias da psicologia evolucionista é a caraterística que herdamos de nossos ancestrais. Eles usavam esse sentimento como um mecanismo de sobrevivência.

Dependendo da personalidade da pessoa, situação e circunstâncias, o ciúme pode variar em termos de tipo e de grau de intensidade. Um ciúme pode ser normal desde que seja baseado em momento e fatos. Mas já o ciúme doentio ou síndrome de Otelo, em alusão ao personagem criado por Shakespeare.

Otelo dominado por um ciúme irracional mata sua esposa Desdemona acreditando que está a estava traindo com seu melhor amigo, sem ter nenhuma prova. Este ciúme patológico costuma despertar por situações imaginadas sem que haja nenhuns fatos concretos para basear a traição. Então veja as histórias de pessoas que tiveram suas vidas tiradas por causa de ciúmes doentios.

10. Tiago Vidal
tiago-morto-ciumes

Em 2014, em Itapuã, Bahia, Tiago Valentim dos Santos Vidal e o amigo Tutuan Santana Santos foram baleados por Jean Devis Oliveira por causa de uma crise de ciúmes. Mas Tiago não resistiu e morreu antes da entrada na unidade de saúde.

Eles participavam de uma comemoração no Botequim Santa Clara, quando foram surpreendidos por Jean. Ele era um ex-namorado da enfermeira Jamile Paixão Lopes dos Santos, que também participava da festa.

“Tiago tinha amizade colorida com uma amiga de Jamille. Foi essa amiga quem apresentou ela ao restante da turma”, contou o primo de Tiago.

Segundo testemunhas, Jean chegou por volta da meia-noite, sentou-se numa mesa e tomou uma cerveja. Por volta das 2h quando tinha terminado a comemoração Tiago e Tutuam foram surpreendidos por Jean que atirou contra eles e fugiu, mas dois meses depois foi preso.

9. Babila Teixeira Marcos
babila-marcos-morta-marido

Após uma discussão regada a muita bebida alcoólica, Bruno Cesar Augusto Ribeiro matou a ex-modelo Babila Teixeira Marcos a facadas. Um dos golpes desferidos esfacelou a maça direita do belo rosto da jovem, que jazia deitada na cama quando os policiais entraram na casa do casal no bairro do Jabaquara, São Paulo.

No quatro ao lado, o filho de 2 anos dormia alheio a discussão dos pais, Bruno foi indicado por homicídio qualificado e motivo torpe. No que parecia ser mais um desentendimento do casal, geralmente motivados pelo ciúme exagerado dele terminou numa tragédia. Logo no começo do namoro, Bruno proibiu Babila de seguir trabalhando como modelo.

Não satisfeito, escolhia as roupas que a mulher poderia vestir e a afastou dos amigos. “Ele a exibia como fosse seu troféu”. Um objeto que poderia usufruir quando quisesse. Afirmou o pai da Vítima.

8. Mulher perseguida e morta a facadas por ex-marido
mulher-morta-ex-marido

No bairro Novo Horizonte, Zona norte de Macapá, uma mulher foi perseguida e morta com 10 facadas pelo ex-marido. Segundo a Polícia Militar (PM), o crime teria sido motivado por ciúmes. De acordo com a PM, a vítima estava de carona no carro de um amigo quando foi surpreendida pelo suspeito que estava armado com a faca.

Ele deu vários golpes no pescoço e no rosto do homem. A mulher saiu do carro, foi perseguida e atingida com 10 facadas. As vítimas foram socorridas por moradores que acionaram uma ambulância. Elas foram encaminhadas para o hospital, mas não resistiram aos ferimentos e acabaram por morrer.

7. Rafael da Silva
rafael-da-silva-morto-marido

No município de Santana, a 17 quilômetros de Macapá, Rafael da Silva também foi morto a facadas pelo um homem de 27 anos. O crime teria acontecido após ele flagrar a mulher traindo ele em uma festa com Rafael, segundo testemunhas.

O assassinato aconteceu dentro da casa em que a mulher estava tendo relações com o Rafael, que foi encontrado sem roupa pelo marido da mulher. A vítima tentou andar uns quilômetros depois ser esfaqueada mas caiu em uma área alagada e morreu antes da chegada do socorro médico.

“A mulher chegou na festa e encontrou o namorado com “outra”. Então ela ficou com outro homem na mesma festa que o namorado e depois levou esse amante para casa. Algumas horas depois o marido foi até a residência, arrombou a porta e esfaqueou ela e o amante”, explicou o delegado da PM.

6. Jovem universitário morto por ciúmes do ex – namorado
jovem-universitário-morto-ciume

Na cidade de Picuí, no Seridó Paraíba, um estudante de 20 anos foi morto com três disparos de arma de fogo e ciúmes teriam motivado o crime.  De acordo com a polícia o universitário estava conversando com os colegas quando uma moto parou próximo a ele, o carona sacou a arma e efetuo os disparos.

Depois de acionada, e ouvir as testemunhas a polícia conseguiu identificar o autor do crime.  Segundo o depoimento do ex – namorado ele teria ficado com ciúmes depois de que viu o universitário acompanhando a ex – namorada .

“Indignado com a situação e suspeitando que os dois estavam namorando, então planejou a morte do estudante”, disse a polícia.

5. Els Clottermans
Els Clottermans

Sendo um dos mais loucos triângulos amorosos que não deram certo, a belga Els Clottermans assassinou sua parceira de paraquedismo e do mesmo nome, Els Van Doren. Bem essa história é um pouco confusa, Clottermans e Doren ambas se conheceram e se apaixonaram pelo jovem holandês Marcel Somers em um clube de paraquedismo em Zwarberg, Holanda.

Embora Van Doren, de 38 anos, fosse casada, ela e Clottermans começaram a dormir com Somers, de 25, de acordo com um horário estrito combinado pelas duas: Clottermans tinha as sextas-feiras, Van Doren tinha sábados.

Mas afinal o que poderia dar de errado? Cerca de uma semana antes do crime, em 2006. Clottermans passou uma noite sem dormir no sofá de Somers, enquanto ele e Van Doren faziam amor de uma forma bem barulhenta em seu quarto. Vendo que o paraquedas de Van Doren estava ao alcance, ela adulterou as cordas de liberação. Quando o trio foi de viagem de Sky-diving na semana seguinte, Van Doren despencou para sua morte.

4. Daniel Willyam
Daniel Willyam

Em 2009 uma jovem de 20 anos Samantha, natural de Texas, EUA. Deixou sua cidade para ir estudar no instituto de arte de Dallas também nos EUA, ai ela conheceu o seu primeiro namorado Nathan Shuck. Apesar do curto tempo de namoro a relação parecia ser séria, que foi o suficiente para deixar o companheiro do quarto de Nathan, Daniel Willyam, em uma crise de ciúmes doentio.

Daniel era um ex- cozinheiro chefe da pastelaria da marinha americana, ele era oito anos mais velho que Nathan. Ele estava tão possuído pelo ciúme do colega do quarto, com sua nova namorada. Que foi até ao apartamento de Samantha no horário que sabia que ela estaria em casa e a esfaqueou 42 vezes em sua cama. Daniel foi condenado a prisão perpétua pelo crime.

3. Belinda Jo Bates e seu contrato de divórcio
belinda jo bates

Após de 10 anos de casamento Belinda Jo Bates decidiu se divorciar do seu marido Brian Bates. Quando ela quis que o marido assinasse o divórcio, Brian disse que só assinaria o divórcio se a mulher assinasse também um contrato, afirmando que ela jamais iria arranjar um namorado.

Então ela assinou, em 2007 se divorciaram, Brian foi morar num outro estado e Belinda pensou que ele morando em outro estado iria livrar-se do contrato psicótico do seu marido ciumento. Então começou a namorar um ex-colega do tempo do colegial, Chamado Michael Kemp e os dois ficaram noivos. Mas infelizmente a felicidade durou pouco, Brian quando soube do noivado voltou e matou sua ex – esposa e se suicidou.

2. Pedro Bravo
pedro-bravo-matou-amigo

Pedro Bravo ficou louco de paixão quando começou a namorar sua primeira namorada, Erika Friman. Eles namoraram durante três anos, até Erika resolveu terminar o namoro com Pedro. Depois do namoro Erika acabou por ir para faculdade, junto com um amigo em comum de Pedro, Cristian Aguilar. Ela e Cristian começaram a namorar tranquilamente, mas quem não gostou da notícia foi o Pedro.

Apesar de esforço de Cristian para tentar aproximar se de Pedro, ele sabia que ele estava passando por momentos difíceis. Pedro acabou por drogar o amigo, estrangulando-o e enterrando seu corpo em tumulo raso numa floresta, na florida, EUA. Depois de 22 dias desaparecido os resto de Cristian foram descobertos por caçadores. Apesar de negar o crime Pedro foi condenado a prisão perpétua sem condicional.

1. Sixto Balbuena
sixto-matou-ciumes

O marinheiro Sixto Balbuena, de 20 anos tinha um relacionamento com senhora Tamara Hoffman, de 48 anos, que foi sua professora de matemática no ensino médio. Então não deve ter sido um grande choque para Sixto quando descobriu Tamara na cama com outo aluno.

Em uma licença naval em 2009, Sixto ao apareceu na casa da namorada as 2h da madruga de uma sexta-feira, pegou numa faca ou ouvir ruídos suspeitos. Quando encontrou Tamara na cama com Samuel Valdivia, de 17 anos, fico puto da vida, começou a bater nele e atirou uma impressora nele. Em algum momento no meio disso, ele “inadvertidamente” esfaqueou e matou Samuel.

COMPARTILHAR