10 coisas inacreditáveis já encontradas dentro de pessoas

A vida de um médico não é nada fácil, pois nenhum dia é exatamente como outro. Nem dá para imaginar o números de coisas estranhas que eles se deparam no seu dia a dia. Então hoje reunimos uma lista das coisas estranhas que já foram encontradas dentro de pessoas por médicos.

10. Uma bala

bala-encontrada-dentro-mulher-china
pixabay.com

Em 2007, uma chinesa viveu durante 64 anos sem saber que tinha uma bala alojada em sua cabeça desde a Segunda Guerra Mundial, quando foi ferida por um disparo japonês. Durante a ocupação japonesa, Jin Guangying, uma camponesa pobre da província oriental de Jiangsu, caiu em coma depois de ser atingida por um disparo militar japonês.

A família teria economizado dinheiro para pagar a radiografia à idosa que tinha 77 anos na época, cuja a dor era cada vez mais intensa, o que levou os médicos à suspeita de um tumor cerebral. Porém a radiografia revelou a presença de uma bala de calibre 6,5 milímetros, como as que exército japonês usou durante a invasão.

9. Mais uma bala

bala-encontra-dentro-mulher
pixabay.com

Também uma chinesa, em 2009, He Wenyng, de 65 anos, permaneceu por 42 anos com uma bala alojada na cabeça. A munição de 2,5 centímetros só foi retirada durante uma cirurgia em um hospital de Chongqing. Ela tinha levado o tiro em 1967 após a bala ricochetear na parede em um tiroteio durante a Revolução cultural. Na época, os médicos haviam afirmado que ela tinha sido ferida superficialmente. No entanto devido ás dores de cabeça e dificuldades alimentares, ela fez um raio-x em 1978, que revelou que a bala estava alojada em sua mandíbula perto de sua orelha direita. Apesar do raio-x ter mostrado que a munição estava em sua cabeça, a mulher tinha se recusado a passar por uma operação. Após fortes dores de cabeça que vinha sentindo, ela decidiu retirar o artefato.

8. Árvore

arvore-encontrada-dentro-pulmão-homem
pixabay.com

Cirurgiões na Rússia acreditavam que iriam retirar um tumor do pulmão de um paciente de 28 anos. Mas afinal, eles encontraram foi uma planta – de cerca de 5 centímetros – crescendo no interior do órgão do paciente. O incidente ocorreu em 2009, na região dos Urais, Artyom Sidorkin reclamava de dor no peito e relatava aos médicos de que tossia sangue.

“Quando me disseram que haviam encontrado uma árvore no meu pulmão, pisquei e acreditei que estava delirando”, disse Sidorkin.  Os médicos acreditavam que Sidorkin teria inalado uma semente de um abeto – uma árvore conífera comum na América do Norte, Ásia e Europa –  que depois começou a brotar em seu pulmão.

7. Pedaço de plástico de 3cm

platico-encontrado-pulmão-homem
g1.globo.com

Os médicos retiraram, em 2009 um pedaço de plástico de três centímetros do pulmão esquerdo do norte-americano John Manley, de 50 anos, que sofria com crises de tosse. Ele provavelmente inalou o objeto há dois anos. De acordo com os médicos do centro Médico da Universidade de Duke, o fragmento ainda apresentava o logotipo legível do restaurante “Wendy’s” o objecto seria culpado pela tosse, cansaço e pneumonia que acometeu Maley durante dois anos.

Homem disse que provavelmente inalou o fragmento enquanto tomava uma bebida.” Eu gosto de tomar grandes goles” disse ele. Depois de várias consultas, detectaram que havia um objeto estranho em seu pulmão esquerdo, mas eles não sabiam qual era a melhor maneira de remove-lo. Um teria sugerido que ele retirasse o pulmão, mas o caso dele acabou por chegar ao conhecimento do diretor de pneumologia intervencionista na Universidade de Duke. O médico Momen Wahidi, extraiu o objeto utilizando um broncoscópio rígido.

6. 420 pedras

homem-retirado-420-pedras-rins
independent.co.uk

Médicos na China, em 2015 removeram nada mais nada menos do que 420 pedras no rim de um paciente, a causa seria sua excessiva dieta diária de tofu. O Sr. He, da província de Zhejiang queixava-se de uma dor intensa em seu abdômen já havido um mês. Uma tomografia computadorizada revelou que seu rim esquerdo estava cheio de pedras. O procedimento para remoção das pedras demorou cerca de duas horas. “Trabalho como médico há 30 anos e nunca vi tantas pedras”, disse Zhou Changchun, cirurgião assistente.

5. Uma agulha

agulha-encontrada-cabeça-mulher
g1.globo.com

Em 2010, a partir de uma imagem de raio-x constatou-se uma agulha de 2,5 centímetros que estava há 20 anos encravada na cabeça da chinesa Zhou Chaozheng, que mora na província de Hunan. Ela teria passado por exames após começar a sentir dores de cabeça depois de dar à luz na época. Os médicos estimaram que Zhou encravou o objeto quando tinha apenas um ano de idade. O que eles não souberam explicar é como a agulha permaneceu tanto tempo em sua cabeça.

4. Lápis

lápis-encontrado-dentro-homem
pixabay.com

Depois de se queixar de dores de cabeça, um jovem de 24 anos, deixou os médicos alemães surpreendidos quando descobriram que ele vivia há anos com um lápis encravado em sua cabeça.

O paciente, um afegão, que sofria com dores de cabeça, problemas de visão no olho direito e sangramento no nariz, tinha sido internado na clínica universitária de Aix-la-Chapelle para que fosse submetido a exames. Após um exame de ressonância magnética em seu crânio, os médicos identificaram a presença “de uma sombra alongada, caraterística de um corpo estranho”, de acordo com o documento da clínica especializada em cirurgias. Quando perguntado sobre a origem desse objeto, o paciente disse “se lembrar apenas de ter tropeçado na escola quando tinha 15 anos e de ter sangramento no nariz”.

3. Tesoura

tesoura-encontra-dentro-homem
pixabay.com

Após sentir dores abdominais, o paquistanês Safdar Ali Shah, de 36 anos, descobriu que tinha uma “tesoura” em seu corpo. O objeto que seria uma pinça hemostática foi achado após ele passar por exames em um hospital em Karachi, no Paquistão. A pinça foi deixada no corpo de Shah por uma equipe médica durante uma cirurgia que ele havia se submetido nas costas.

2. Uma garrafa da coca cola

garrafa-coca-cola-anus-homem
pixabay.com

Um homem de 60 anos, em 2007, afirmou que “ladrões” o teriam forçado a enfiar uma garrafa da coca cola pelo ânus acima. O paquistanês procurou ajuda médica depois de ficar constipado por dias, provavelmente por causa da garrafa. Os médicos tiveram que usar uma série de ferramentas para tirar a garrafa de refrigerante.

1. Frasco de desodorante

frasco-desodorante-anus-homem
pixabay.com

Se enfiar uma garrafa de refrigerante já não foi o bastante, imagine agora, um frasco de desodorante. Um jovem de 23 anos, for parar no hospital depois de enfiar um frasco de desodorante no seu ânus. Depois de várias tentativas fracassadas, tentando remover o frasco, foi para o hospital queixando-se de dores abdominais. Ao examinarem, ele parecia bem tanto fisicamente como psicologicamente. Mais uma película de raio-x mostrou um objeto no reto acima.

COMPARTILHAR